Segredos de quem está preparado para ser promovido

  • por

Muitas pessoas que encontro nos locais que desenvolvo minhas atividades profissionais de instrutor, consultor e mentor, contam que enfrentam dificuldades para assumirem novas oportunidades, quando estas aparecem.

E isso tem acontecido, nestes últimos anos, com maior frequência.

E, de maneira bem interessante, com pessoas jovens e que se tornam adultas, pois começam a sentir na pele e enfrentar as dinâmicas dentro do ¨Ser Empresa¨ que trabalham.

Interessado em entender e poder ajudá-las, comecei a relembrar minha própria jornada e identificar alguns dos monstros que geram o temível bloqueio de se aventurar em novos caminhos. Vamos a eles:

O medo da mudança.

Ataca principalmente se estiver relacionado a um novo cargo ou função, assumir novas responsabilidades ou enfrentar as dificuldades de adaptação.

Encarar pessoas em posições hierárquicas superiores.

Como trazer os problemas e principalmente as falhas e erros que, tanto eu, quanto os que comigo trabalham, sabendo que aquela pessoa ocupa um nível acima e que, poderá não entender nem querer saber ou ouvir e, pior ainda, avaliar que não estou capacitado.

Precisar cobrar das pessoas.

E agora? Como fazer para que as pessoas que estarei a comandar entenderão que devem fazer o que lhes digo, quando até ontem, estávamos no ¨mesmo barco¨?

Tomar decisões e escolhas nem sempre fáceis.

Aqui ¨o bicho pega¨. Será que consigo suportar as pressões que virão, ao decidir mudar ou implantar algo novo, seja uma rotina, um local e seu ambiente sob minha responsabilidade, admitir uma pessoa nova ou demitir uma que identifiquei não servir mais?

Não entender a fundo do novo trabalho.

Essa então… é como pular de um precipício sem paraquedas! Serei colocado ¨na parede¨ e ridicularizado pelas respostas que der, ainda que estejam corretas.

Confesso a você, que vivenciei cada uma delas, ao longo da jornada. E mais, continuam a aparecer, sempre que alguém me oferece uma nova oportunidade.

Para enfrentar essa verdadeira muralha – tive, tenho… e terei – que desenvolver ações internas e íntimas que me identifiquem os riscos. O desafio maior é aprender a sentir cada um dos riscos e, de maneira realista, fazer uma lista de cada um deles e descrever os prós e contras.

Em conjunto com essa lista, é importante incluir atividades que, se no começo pode parecer impossível de se fazer, uma vez que se tornem hábitos, lhe trarão benefícios muito além da jornada profissional.

Começo com a leitura de livros e artigos, que trazem, além do prazer do ato, muitas histórias, fatos, visões e sensações que provocam sinapses que abrem circuitos emocionais e racionais poderosos.

Uma boa conversa junto às pessoas mais próximas – familiares e amigos – para expor sua realidade e, permitir-se ouvir outras interpretações de seus riscos agrega carinho e sinceridade, vindo de quem está sempre a torcer para seu sucesso.

Desenvolver uma rede de contatos em que seja pró-ativo. Isto é, construir relacionamentos verdadeiros nesta rede, com cada uma das pessoas, para a troca de ideias, de informações relacionadas ao seu trabalho, debater pontos de vista e, importante, conhecer outras profissões distantes de nosso dia-a-dia.  Como exemplo, adotei o LinkedIn como obrigação em minha agenda diária, e trato com muito carinho essa dedicação.

Além destes – leitura, conversas e rede de relacionamentos – vale incluir a educação. A cada dia que passa sinto que quanto mais eu sei sobre algo, mais preciso aprender. E educação e instrução são o principal componente desse segredo. Permite desenvolver a mente, revisar conhecimentos e conceitos, captar outros pontos de vista de quem apresenta e colher mais confiança e segurança nas ações realizadas no trabalho. E, na Vida!

Assim, o segredo de quem está preparado para ser promovido é unir em sua jornada profissional é tratar de se trabalhar considerando a Leitura, as Conversas, a Rede de contatos e a Educação. E fazer este quarteto girar positivo todos os dias. Vai precisar ajustar seu ¨modus operandis¨?  Eu precisei. E os resultados dessas escolhas, aqui compartilhadas de Corpo-Mente-Alma são compensadores.

Conte comigo e comece já, syn!

Shine Your Nature!

#shineyournature

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *