Ciclos e Sensos em tensão permanente e o #FATORSYN!

Sabemos que existem Ciclos pois os vivenciamos individualmente e coletivamente ao longo de nossa cíclica jornada na Mãe Terra.
E mesmo que não queiramos, evitemos ou fechemos os olhos, eles nos afetam e nos trazem sensações e sentimentos que rodopiam como tufões e impactam em nossos pensamentos, ações e intuições.
Enquanto indivíduo isso já é um tremendo desafio, não é verdade?

Imaginemos então isso acontecendo dentro do “Ser Empresa”, que é uma unidade composta de “Seres Humanos” em suas necessárias e dinâmicas posições organogramicas.

Com o passar do tempo e a convivência do dia a dia, verifica-se que
“o caldo engrossa de maneira exponencial”.

E que, caso não adotemos e pratiquemos alguns Sensos, com muita certeza acabamos (indivíduo e coletivo) por simplesmente ficar enredado, enfezado, entupido e engrossado.
O resultado então…. nem é preciso dizer, pois com toda garantia você já conheceu, conhecerá e conhece:
“travou!”

No desenvolvimento de meus trabalhos nos “Seres Empresas” esse resultado aparece em situações diversas, vindos de todos os níveis, desde o CEO até o Porteiro, com frases (que talvez já tenha ouvido) tais como:

“Toda 2a. feira é a mesma coisa…”
E na sua empresa é muito provável que também aconteça às 3as., 4as….

“Sabe, essa é a última semana do mês e por isso…”
Porque será que existe essa phoderosa semana?

“Pô! mas eu já falei isso mais de 1.000 vezês e…”
Impressionante como escuta-se muito e pratica-se pouco.

E muitas outras… em estado de tensão permanente.

Pois bem, uma das formas de, vivenciando os Ciclos e conviver com as tensões necessárias (e reforço …. necessárias!) é adotar Sensos.

Quem já curtiu minhas atividades, tanto em capacitação como em trabalhos de aconselhamento, consultoria e mentoria, sabe do que estou a me referir:
Os Sensos precisam, podem e devem ser despertados em cada um de nós “Seres Humanos”, principalmente quando vivenciados dentro do “Ser Empresa”.

Entre vários Sensos, destaco aqui o que minha sensibilidade (prática de Sensos) conseguiu até este instante absorver:

Senso Sistêmico
Somos (eu, você, o outro, todos) e também as empresas (departamentos, setores, times) e o ambiente (interno e externo).

Senso Familiar
Que nos brinda com Genes, DNAs, RNAs e onde reproduzimos com Amor nossos descendentes.

Senso Social
Vida em aglomerados urbanos, onde assumimos nosso “Ser Hurbano”.

Sensos da Qualidade
Conhecidos como “5S”

O mais importante aqui é Criar a Sensibilidade da importância de se Sentir em 1o. lugar e depois ampliar esse Senso para fora de si, como ondas concêntricas (aquela pedra que se atira na água, afunda e gera ondas, sabe?) e com isso entender que você é assim, o outro que convive com você também é assim, a empresa é assim, o ambiente é assim!

Essa consciência de Ciclos e Sensos precisa ser e estar desperta.

E junto com estes 2, um elemento fundamental, que vai ser o combustível de conexão a movimentar em todos os sentidos tridimensionais e muitos mais… o Fluir.

Agora Syn!

Juntado os Ciclos, os Sensos e o Fluir, pode-se vivenciar o “FATOR SYN!”

Syn!

Que significa Sinergia Próspera Fatorial.

É com isso que me apaixono… com o “SYN!”

É com isso que acredito poder acrescentar em todos os Seres (Humanos, Empresarias e Ambientais) uma pitada de Syn! (Sinergia Próspera Fatorial) para, juntos fazer valer o esforço, o trabalho, a colaboração, a co-criação, a superação e o aprendizado, que é nosso conhecimento, com valor inestimável, que me fez construir a plataforma de mentoria e ensino FATORSYN!

E você, quais são os sensos que conseguiu ¨traduzir¨ durante sua jornada terrena, até hoje?

Deixe seu comentário no blog e vamos juntos, desenvolver essa fundamental sensibilidade, para podermos prosseguir com resiliência e crescimento eternos. Avante sempre, syn!

Shine Your Nature!

#shineyournature #fatorsyn! #motivasyn! #combosyn! #educasyn!

Compartilhe:

2 comentários em “Ciclos e Sensos em tensão permanente e o #FATORSYN!”

  1. Eis uma outra forma de "sentir" o que está a ocorrer neste momento de mudanças reais, doídas e necessárias, para o crescimento individual, grupal, organizacional, social e ambiental:
    (HSM _ 05/12/2011)____
    Empatia e emoção como modelos de negócio _____
    Jagdish Sheth defende a construção de modelos alicerçados em valores como empatia e sob a ótica do novo capitalismo…
    http://hsm.com.br/editorias/marketing/empatia-e-emocao-como-modelos-de-negocio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *